Notícias

Willa da Farmácia diz que distrito de Satª Gertrudes terá, finalmente, sinal de telefonia móvel

O Vereador Willa da Farmácia (Pros) informou na noite desta terça feira (24), durante pronunciamento na tribuna da câmara, que o distrito de Santa Gertrudes, no município de Patos-PB, receberá nos próximos dias o sinal da telefonia móvel. “A gente vem acompanhando nos bastidores e servindo de ponte entre a comunidade e os empresários de duas operadores que iniciaram estudo de implantação do serviço no distrito. ”, comemorou Willa, lembrando que há muito tempo os moradores lutavam pelo serviço e que isso só foi possível, graças ao apoio do senhor empresário Alírio Bento, proprietário de um terreno localizado na Zona Urbana do distrito, por ter cedido a área para a empresa instalar a torre. Segundo informou Willa, duas empresas, que não tiveram os nomes citados, fizeram o estudo técnico para a instalação do serviço. “O processo de uma delas é lento já o da outra é mais célere e, em breve, vamos ter o sinal de celular. ”, revelou o edil, cobrando ainda a participação de outros representantes dos poderes públicos locais, a exemplo da prefeitura e do estado.

À parte

“Uma notícia alvissareira. ”, comemorou Zé Gonçalves, para em seguida lamentar que ao longo de todo esse tempo em que a telefonia móvel se instalou no país, aquela comunidade tenha ficado isolada do serviço. “Eu sempre disse que era uma vergonha pra 17 vereadores, 01 prefeito, 01 vice, 36 deputados estaduais, deputados federais e 03 senadores paraibanos deixarem o único distrito de Patos sem telefonia móvel. ”, criticou o parlamentar do PT. “Confesso que fico muito feliz com essa notícia trazida por Vossa Excelência.”, acrescentou.

“Parabenizo Vossa Excelência pela luta em defesa de Santa Gertrudes, fazendo jus a votação que o senhor teve naquela localidade. ”, comentou Nadir Rodrigues, reconhecendo o empenho do colega. “O povo merece esse esforço. Não somente por parte de Vossa Excelência, mas como de todos desta casa. ”, lembrou a vereadora do Republicanos.

CM

« Voltar